Home











...



« Memória Empresarial • ANO XXVIII - Ed. 491 (02/09/2001)

Brasil até no Nome

Para ser reconhecido internacionalmente, é preciso ter uma marca forte, um diferencial exclusivo que seja sinônimo de qualidade e inovação. Interpretar a riqueza da diversidade cultural brasileira e transformá-la em mensagens comerciais capazes de agregar uma visão original ao produto ou serviço sempre foi a proposta de atuação da W/Brasil Publicidade www.wbrasil.com.br – para se projetar no mercado. Ao completar 15 anos de vida, a agência já se tornou um referencial para o segmento publicitário, recebeu numerosos prêmios aqui e no exterior, virou letra de música na voz de Jorge Benjor e agora terá a sua história eternizada em um livro de Fernando Morais, um dos maiores biógrafos do País. Em depoimento exclusivo, Washington Olivetto, presidente e redator da empresa, justifica a razão de tamanho sucesso e popularidade em tão pouco tempo de existência, fala sobre a relação com os clientes e com os consumidores, além de discutir os desdobramentos da Internet na propaganda.

CRESCIMENTO RECORDE
"Em 1986, após trabalhar durante quase 14 anos em uma das maiores agências do mercado como diretor de criação, tinha na mente um modelo diferente que somava a minha experiência, a imitação de algumas iniciativas que estavam surgindo no mundo e também idéias próprias. Tudo isso se materializava no projeto W/Brasil, que buscava minimizar ou eliminar de imediato defeitos característicos das agências de propaganda, como a competitividade interna e a burocracia, bem como a implementação de espaços abertos que lembram mais as redações dos jornais e o pioneirismo na informatização. Por se tratar de algo novo, num primeiro instante, nem todos os anunciantes acreditaram que iria dar certo, mas, de cara, dois grandes grupos apostaram no nosso trabalho e foram seguidos de outros clientes que provocaram uma velocidade de crescimento, logo no primeiro ano, praticamente irreproduzível. Nos primeiros seis meses, fomos a agência do ano e, um ano depois, já éramos cinco vezes maiores do que quando começamos."

IDENTIFICAÇÃO POSITIVA
"O grande diferencial da W/Brasil está no fato de termos uma ligação muito forte com a cultura popular brasileira. É como se tivéssemos um dedo no pulso do Brasil. Trata-se de uma agência que tem a capacidade de identificar o consumidor brasileiro e falar com ele de uma forma que nenhuma outra faz, interpretando-o do ponto de vista publicitário. Essa forma de identificação já estava presente na minha vida profissional, mas foi radicalizando-se e acabou virando uma marca nossa. Além disso, realizamos um trabalho com características visivelmente artesanais, de alta qualidade, mas em escala industrial. Dessa forma, conseguimos um patrimônio único para a agência e para qualquer anunciante, que é transformar o consumidor em mídia. Isso fez com que extrapolássemos o circuito da publicidade, dos publicitários e passássemos a simbolizar algo na vida dos brasileiros como uma leitura muito positiva de um Brasil que dá certo em contraposição ao Brasil cheio de problemas da época do Plano Collor. Não vemos o Brasil como um país do Terceiro Mundo, mas sim como outro tipo de Primeiro Mundo."

PROCESSO IRREVERSÍVEL
"A maioria dos nossos clientes é formada por empresas brasileiras numa relação de 65%, normalmente líderes dos seus mercados. Existe espaço para empresas menores, desde que seja detectado um potencial de crescimento. O pequeno anunciante que deseja ter um grande trabalho é também muito estimado, porque sabemos que vai ser bom para a agência e para ele, que vai crescer e se tornar grande. Acreditamos que, por mais que mudem as tecnologias e os comportamentos, o sucesso da propaganda está na idéia inusitada e inovadora que continuará sendo sempre o maior patrimônio dessa profissão, e isso não é privilégio dos maiores nem dos menores. A Internet e seus desdobramentos são irreversíveis. Sabemos que ninguém descobriu como ganhar dinheiro com isso, mas um dia vamos descobrir, e não temos dúvidas de que só vão ficar os melhores e de que não podemos estar fora desse processo, que ainda é um aprendizado e não está acessível ao grande público em nível mundial."


« Entrevista Anterior      Próxima Entrevista »
...
Realização:
IMEMO

MANTENEDORES:

CRA-SP

Orcose Contabilidade e Assessoria

Sianet

Candinho Assessoria Contabil

CNS

Hífen Comunicação


Pró-Memória Empresarial© e o Programa de Capacitação, Estratégia e Motivação Empreendedora Sala do Empresário® é uma realização do Instituto da Memória Empresarial (IMEMO) e publicado pela Hífen Comunicação em mais de 08 jornais. Conheça a história do projeto.

Diretor: Dorival Jesus Augusto

Conselho Assessor: Alberto Borges Matias (USP), Alencar Burti, Aparecida Terezinha Falcão, Carlos Sérgio Serra, Dante Matarazzo, Elvio Aliprandi, Irani Cavagnoli, Irineu Thomé, José Serafim Abrantes, Marcos Cobra, Nelson Pinheiro da Cruz, Roberto Faldini e Yvonne Capuano.

Contato: Tel. +55 11 9 9998-2155 – [email protected]

REDAÇÃO
Jornalista Responsável: Maria Alice Carnevalli - MTb. 25.085 • Repórter: Fernando Bóris;
Revisão: Angelo Sarubbi Neto • Ilustrador: Eduardo Baptistão

PROIBIDA A REPRODUÇÃO TOTAL OU PARCIAL DESTAS ENTREVISTAS sem permissão escrita e, quando permitida, desde que citada a fonte. Vedada a memorização e/ou recuperação total ou parcial, bem como a inclusão de qualquer parte da obra em qualquer sistema de processamento de dados. A violação dos Direitos Autorais é punível como crime. Lei nº 6.895 de 17.12.1980 (Cód. Penal) Art. 184 e parágrafos 185 e 186; Lei nº 5.998 de 14.12.1973


Hífen Comunicação
© 1996/2016 - Hífen Comunicação Ltda. - Todos os Direitos Reservados
A marca Sala do Empresário - Programa de Capacitação, Negócios e Estratégia Empresarial
e o direito autoral Pró-Memória Empresarial, são de titularidade de
Hífen Comunicação Editorial e Eventos Ltda.