Home











...



« Memória Empresarial • ANO XXVIII - Ed. 885 (22/03/2009)

Manutenção dos estoques

Cada vez mais o empreendedor consequente, aquele que consegue visualizar a empresa como uma estrutura a ser perenizada para a sua garantia e das novas gerações que farão parte dela, ganha espaço consolidado e respeitado no mercado. Especialmente quando o produto ou serviço oferecido desempenha função estratégica vital em termos de logística, como é o caso de empilhadeiras que armazenam produtos de forma racional e organizam a manutenção dos estoques que representam custo decisivo para organizações de todos os portes. Entre os dez maiores locadores desse equipamento está a Alphaquip Máquinas e Equipamentos, fundada e dirigida há 22 anos pelo descendente de imigrantes armênios João Kassardjianwww.alphaquip.com.br. Depois de trabalhar durante 25 anos como funcionário de uma empresa desse segmento, ele soube transformar a sua rede de contatos em patrimônio valioso para dar origem ao próprio negócio. Sempre preocupado em renovar, ele já conta com a ajuda do filho formado em engenharia mecânica na administração e, na medida da sua experiência, procura ajudar sua equipe formada por cinquenta colaboradores a encontrar as melhores soluções. Em depoimento exclusivo e comovente, ele relata os momentos mais marcantes dessa trajetória na busca constante pelo futuro.

FOCO
"A Alphaquip está focada na prestação de serviços envolvendo o aluguel e a manutenção da maior ferramenta de logística, que é a empilhadeira, ramo no qual trabalho há 47 anos. Somos representantes de duas grandes marcas, a Clark, importada, e a Paletrans, de fabricação nacional. Aprendi a atender grandes multinacionais que já traziam seus projetos prontos. A minha dedicação ao trabalho como funcionário fez com que eu aprendesse os mecanismos do negócio, capacitando-me a compreender os catálogos com desenhos e termos em inglês. Na posição de gerente de vendas, tinha um relacionamento muito rico com as pessoas e, graças a esses contatos, acabei dominando efetivamente toda a cadeia do negócio, desde o desenvolvimento dos fornecedores até a entrega do produto final aos clientes. Foi então que decidi investir na minha própria empresa, pensando em garantir colocação melhor para os meus filhos no mercado futuro."


PLANEJAMENTO
"Para começar, aluguei um espaço e comprei um terreno no qual construí uma pequena loja com as economias que possuía na época. Eu me preparei para isso, o que foi fundamental para o sucesso e fez toda a diferença. Começamos a girar o negócio muito rápido, porque temos bom atendimento e sempre atendi pessoas e não empresas, que eram consequentemente atendidas pelo funcionário com o qual eu negociava de forma direta. Depois, passamos também a vender peças para empilhadeiras e tivemos que contratar um mecânico para fazer a manutenção das máquinas. Hoje, uma empilhadeira regula a dinâmica de distribuição, guardando todo o patrimônio de uma empresa, que é o estoque, seja de produto final, seja de matéria-prima. Como o preço do espaço para estocagem é muito caro, existe um processo de verticalização para o armazenamento, o que fez da empilhadeira equipamento essencial às atividades empresariais."


SUCESSÃO
"Depois de desfazer uma sociedade com uma empresa do mesmo ramo que durou cerca de três anos e nos ajudou muito a crescer, pude contar, nessa nova fase, com a ajuda e com a dedicação do meu filho, que aceitou o convite para trabalhar conosco. Hoje, temos como pontos fortes o pós-venda e o fato de concentrarmos o atendimento na nossa região de atuação para não encarecer o custo operacional, o que representa ganho na decisão de quem está alugando nossos equipamentos. Dispomos também de uma equipe de vinte pessoas com veículos nas ruas, treinadas e preparadas para o pronto atendimento. A minha satisfação está em dar continuidade àquilo que comecei, o que nos fez investir R$ 500 mil em softwares para modernizar a gestão, e isso é ser empreendedor. Se não acompanharmos os avanços tecnológicos, vamos ficar para trás, e a nossa grande meta para 2009 é ficarmos ainda mais fortes."


« Entrevista Anterior      Próxima Entrevista »
...
Realização:
IMEMO

MANTENEDORES:

Sianet

Candinho Assessoria Contabil

CNS

CRA-SP

Orcose Contabilidade e Assessoria

Hífen Comunicação


Pró-Memória Empresarial© e o Programa de Capacitação, Estratégia e Motivação Empreendedora Sala do Empresário® é uma realização do Instituto da Memória Empresarial (IMEMO) e publicado pela Hífen Comunicação em mais de 08 jornais. Conheça a história do projeto.

Diretor: Dorival Jesus Augusto

Conselho Assessor: Alberto Borges Matias (USP), Alencar Burti, Aparecida Terezinha Falcão, Carlos Sérgio Serra, Dante Matarazzo, Elvio Aliprandi, Irani Cavagnoli, Irineu Thomé, José Serafim Abrantes, Marcos Cobra, Nelson Pinheiro da Cruz, Roberto Faldini e Yvonne Capuano.

Contato: Tel. +55 11 9 9998-2155 – [email protected]

REDAÇÃO
Jornalista Responsável: Maria Alice Carnevalli - MTb. 25.085 • Repórter: Fernando Bóris;
Revisão: Angelo Sarubbi Neto • Ilustrador: Eduardo Baptistão

PROIBIDA A REPRODUÇÃO TOTAL OU PARCIAL DESTAS ENTREVISTAS sem permissão escrita e, quando permitida, desde que citada a fonte. Vedada a memorização e/ou recuperação total ou parcial, bem como a inclusão de qualquer parte da obra em qualquer sistema de processamento de dados. A violação dos Direitos Autorais é punível como crime. Lei nº 6.895 de 17.12.1980 (Cód. Penal) Art. 184 e parágrafos 185 e 186; Lei nº 5.998 de 14.12.1973


Hífen Comunicação
© 1996/2016 - Hífen Comunicação Ltda. - Todos os Direitos Reservados
A marca Sala do Empresário - Programa de Capacitação, Negócios e Estratégia Empresarial
e o direito autoral Pró-Memória Empresarial, são de titularidade de
Hífen Comunicação Editorial e Eventos Ltda.