Home











...



« Memória Empresarial • ANO XXVIII - Ed. 834 (30/03/2008)

Empregabilidade Online

O avanço tecnológico no universo corporativo trouxe a exigência de um critério de seleção e de recrutamento altamente sofisticado, uma vez que está na qualidade dos recursos humanos o grande diferencial entre uma empresa e outra. Escolher a pessoa certa para determinada função requer uma série de filtros que somente um serviço online eficaz pode oferecer às organizações dos mais variados portes e segmentos. Quem percebeu e vem atuando de forma pioneira nesse sentido é Cezar Antonio Tegon, fundador e diretor da Elancers Ltda. - www.elancers.net. Com ampla formação acadêmica e larga experiência como executivo em multinacionais, ele criou, há oito anos, uma prestação de serviços especializada por meio da Internet, que permite maior agilidade e probabilidade de acerto na colocação do profissional ideal para cada vaga. Na contramão da customização, o negócio consegue atingir milhares de clientes a um custo acessível graças a um esquema de padronização que facilita o acesso dos profissionais ao mercado e vice-versa, em variados graus de necessidade. Em depoimento exclusivo, repleto de otimismo visionário, ele relata como planejou o negócio, garantiu credibilidade à empresa e pretende expandi-la em nível internacional.

INVERSÃO
"Em 1999, percebi que o mercado de recrutamento e seleção online era dominado por duas grandes empresas, que adotavam no Brasil um modelo diferente daqueles existentes no resto do mundo, no qual quem paga para achar o candidato é a empresa. No Brasil, nós conseguimos inverter essa linha mestra, e foi aí que detectei que existia uma oportunidade para entrar nesse segmento e passei a planejar o produto durante seis meses. No dia 1º de maio de 2000, nós lançamos o site da Elancers, porque nosso objetivo era colocá-lo no ar no Dia do Trabalho. Possuímos hoje duas vertentes, sendo que a corporativa é aquela que resume a solução de recrutamento e seleção online, que vai desde a captação até a aplicação da prova e da entrevista pela Internet, terminando com a admissão do candidato."


PRODUTO ÚNICO
"Na década de 90, em minha ex-empresa de software para RH, durante a implementação do sistema que oferecíamos, o cliente analisava o pacote e sugeria as mudanças para que nós fizéssemos a adequação à estrutura dele. Como tínhamos 90 entre as 500 maiores empresas do Brasil e cada uma trabalhava com um produto diferente, isso incomodava, porque não conseguíamos manter uma inteligência única. Nesse sentido, a maior inovação da Elancers não foi o fato de termos conseguido criar uma funcionalidade que automatiza todo o processo de seleção de funcionários, mas sim a introdução de um sistema que pode atender a qualquer empresa, independentemente do segmento e do tamanho com um único produto em uma só plataforma. Todo mundo disse que eu era maluco, porque customização é uma palavra muito empregada pelas consultorias do nosso setor, mas a minha filosofia era exatamente o contrário. Hoje, isso se chama SAAS, que significa Software As A Service (Software como Serviço) no mercado brasileiro, ou seja, não é mais necessário comprar um software e instalar no servidor. Nenhum dos meus 280 clientes tem instalação na empresa deles, mas sim o acesso à Internet por meio do qual executam o que precisam em termos de recrutamento e seleção, pagando uma taxa mensal de acordo com o grau de utilização."


CULTURA
"Nos primeiros seis meses, conseguimos contas de clientes muito importantes, o que nos deu credibilidade. Nós promovemos cafés da manhã em grandes hotéis durante três anos para levar centenas de executivos da área de RH e diretores de tecnologia para que eles dessem o aval. Nesse evento, colocamos dois clientes que já estavam utilizando o nosso software dando depoimentos. Depois disso, estava criada a cultura para o nosso tipo de negócio. Nós queremos consolidar-nos e estamos conseguindo isso como uma empresa séria, consistente e que não fica mudando de estratégia. Eu sabia desde o início aonde eu quero chegar, que é a criação de uma empresa multinacional. Hoje, estamos atuando já em três idiomas, português, inglês e espanhol, com clientes na América Latina toda, desde o México até a Argentina. Temos também clientes no Canadá, nos Estados Unidos, na Holanda, na França e na Inglaterra, atendendo a todos aqui do Brasil."


« Entrevista Anterior      Próxima Entrevista »
...
Realização:
IMEMO

MANTENEDORES:

CNS

Orcose Contabilidade e Assessoria

Sianet

Candinho Assessoria Contabil

Hífen Comunicação


Pró-Memória Empresarial© e o Programa de Capacitação, Estratégia e Motivação Empreendedora Sala do Empresário® é uma realização do Instituto da Memória Empresarial (IMEMO) e publicado pela Hífen Comunicação em mais de 08 jornais. Conheça a história do projeto.

Diretor: Dorival Jesus Augusto

Conselho Assessor: Alberto Borges Matias (USP), Alencar Burti, Aparecida Terezinha Falcão, Carlos Sérgio Serra, Dante Matarazzo, Elvio Aliprandi, Irani Cavagnoli, Irineu Thomé, José Serafim Abrantes, Marcos Cobra, Nelson Pinheiro da Cruz, Roberto Faldini e Yvonne Capuano.

Contato: Tel. +55 11 3256-3265 – publicacoes@empresario.com.br

REDAÇÃO
Jornalista Responsável: Maria Alice Carnevalli - MTb. 25.085 • Repórter: Fernando Bóris;
Revisão: Lírio C. da Silva • Ilustrador: Eduardo Baptistão

PROIBIDA A REPRODUÇÃO TOTAL OU PARCIAL DESTAS ENTREVISTAS sem permissão escrita e, quando permitida, desde que citada a fonte. Vedada a memorização e/ou recuperação total ou parcial, bem como a inclusão de qualquer parte da obra em qualquer sistema de processamento de dados. A violação dos Direitos Autorais é punível como crime. Lei nº 6.895 de 17.12.1980 (Cód. Penal) Art. 184 e parágrafos 185 e 186; Lei nº 5.998 de 14.12.1973


Hífen Comunicação
© 1996/2016 - Hífen Comunicação Ltda. - Todos os Direitos Reservados
A marca Sala do Empresário - Programa de Capacitação, Negócios e Estratégia Empresarial
e o direito autoral Pró-Memória Empresarial, são de titularidade de
Hífen Comunicação Editorial e Eventos Ltda.