Home











...



« Memória Empresarial • ANO XXVIII - Ed. 928 (20/09/2015)

Otimismo reforçado

Untitled Page

O principal desafio do empresário brasileiro ainda é suportar a alta carga tributária e vencer o Custo Brasil. A junção desses fatores sempre foi considerada como um grande problema para a gestão dos negócios, mas todos concordam que, no cenário atual, ficou ainda mais desafiador encarar esse obstáculo usando a competência para se manter no mercado. Quem faz o alerta é o analista de sistemas Walmir Scaravelli, diretor de marketing e alianças e sócio-fundador da Mega Sistemas Corporativos - www.mega.com.br, empresa criada por ele e pelo engenheiro Paulo Bittencourt em 1985, e que completa 30 anos. Os dois que, na época, estudavam e faziam pequenos serviços na área de informática, se conheceram graças a um amigo em comum. Ele conta que decidiram começar praticamente sem dinheiro, mas com muita vontade de crescer. Hoje, o portfólio foi ampliado para oferecer soluções aos mercados de construção, manufatura, logística, combustíveis, agronegócios e serviços. Essa história de sucesso serve de inspiração para os novos empreendedores e mostra que passar por crises econômicas, períodos altamente inflacionários e mudanças de moeda, exige que qualquer iniciativa empreendedora esteja inserida em um processo permanente de reinvenção e de reconhecimento de novas oportunidades.

PONTOS FORTES
"Podemos destacar o respeito ao cliente por meio do nosso comprometimento constante com os resultados. Outro aspecto diz respeito à inovação, embora esteja cada vez mais difícil inovar em um mercado onde as pressões para manter os produtos de acordo com as obrigações fiscais e governamentais sejam frequentes A Mega Sistemas também sempre investiu no desenvolvimento de soluções inéditas para entregar seus produtos com um diferencial expressivo em relação àquilo que já existe. Para completar, vem a ênfase no incentivo aos colaboradores, uma vez que o nosso maior patrimônio é a equipe unida e motivada. Para disso, não medimos esforços para mantê-los estimulados no sentido de contribuir com ideias próprias e originais para o desenvolvimento de todos. O maior desafio está em lidar com uma geração de profissionais muito exigentes e ansiosos por promoções rápidas, criando um ambiente de trabalho agradável e agregando benefícios diferenciados e salários compatíveis com o mercado. Embora os índices de desemprego estejam se elevando, no segmento de TI é cada vez mais difícil encontrar mão- de-obra qualificada. Por isso, precisamos usar a criatividade para captar e reter nossos talentos."

PLANO DE EXPANSÃO
"No início, a exemplo dos nossos concorrentes, atuávamos em praticamente todos os segmentos. Com o tempo, fomos observando que, ao nos especializarmos em determinados setores, conseguíamos apresentar um produto mais adequado. Dessa maneira, nos últimos quinze anos, planejamos nos especializar, cada vez mais, nos segmentos onde possuíamos maior expertise, como o de construção, por exemplo. Esta estratégia se mostrou vencedora, pois as empresas que não se especializaram tiveram maior dificuldade para continuar no mercado. Se tivesse que abrir um novo negócio hoje, com base na experiência adquirida, buscaria um ramo com baixa concorrência e alta barreira de entrada ou ainda inexplorado. A experiência vivida também nos ensinou a dar maior importância ao planejamento. No passado, podíamos nos dar o luxo de iniciar um negócio sem essa etapa, mas no cenário atual, é praticamente impossível."

FUSÃO E PARCERIA
"Gastamos muito tempo em planejamentos que se mostram ineficientes com as sucessivas mudanças econômicas e também desperdiçamos outro tanto com uma burocracia inútil. Para driblar todos esses entraves, temos que nos reinventar e buscar alternativas. No último ano, nos transformamos em uma S/A, fizemos uma fusão com o nosso principal parceiro de negócios, o nosso canal de distribuição em Curitiba, e adquirimos participação em operações de outros parceiros para ampliar a ação geográfica da empresa. Tudo foi feito para nos adequarmos à realidade atual de mercado, visando manter a nossa equipe de trabalho estimulada enquanto nos prepararmos para um novo momento que, com otimismo reforçado, esperamos que não demore a chegar."


« Entrevista Anterior      Próxima Entrevista »
...
Realização:
IMEMO

MANTENEDORES:

Candinho Assessoria Contabil

CNS

CRA-SP

Orcose Contabilidade e Assessoria

Sianet

Hífen Comunicação


Pró-Memória Empresarial© e o Programa de Capacitação, Estratégia e Motivação Empreendedora Sala do Empresário® é uma realização do Instituto da Memória Empresarial (IMEMO) e publicado pela Hífen Comunicação em mais de 08 jornais. Conheça a história do projeto.

Diretor: Dorival Jesus Augusto

Conselho Assessor: Alberto Borges Matias (USP), Alencar Burti, Aparecida Terezinha Falcão, Carlos Sérgio Serra, Dante Matarazzo, Elvio Aliprandi, Irani Cavagnoli, Irineu Thomé, José Serafim Abrantes, Marcos Cobra, Nelson Pinheiro da Cruz, Roberto Faldini e Yvonne Capuano.

Contato: Tel. +55 11 9 9998-2155 – [email protected]

REDAÇÃO
Jornalista Responsável: Maria Alice Carnevalli - MTb. 25.085 • Repórter: ;
Revisão: Angelo Sarubbi Neto • Ilustrador: Eduardo Baptistão

PROIBIDA A REPRODUÇÃO TOTAL OU PARCIAL DESTAS ENTREVISTAS sem permissão escrita e, quando permitida, desde que citada a fonte. Vedada a memorização e/ou recuperação total ou parcial, bem como a inclusão de qualquer parte da obra em qualquer sistema de processamento de dados. A violação dos Direitos Autorais é punível como crime. Lei nº 6.895 de 17.12.1980 (Cód. Penal) Art. 184 e parágrafos 185 e 186; Lei nº 5.998 de 14.12.1973


Hífen Comunicação
© 1996/2016 - Hífen Comunicação Ltda. - Todos os Direitos Reservados
A marca Sala do Empresário - Programa de Capacitação, Negócios e Estratégia Empresarial
e o direito autoral Pró-Memória Empresarial, são de titularidade de
Hífen Comunicação Editorial e Eventos Ltda.